Evolução do mercado de trabalho da juventude em Espanha após a última recessão econômica

Resumo: Muitos itens acadêmicos consideram a Espanha como um dos países piores desempregados em relação às condições de trabalho de seus trabalhadores, por esse objetivo final Deste trabalho é caracterizar o mercado de trabalho espanhol e suas condições, com base na maior parte do estudo na situação de trabalho dos jovens (16 a 29 anos). Em primeiro lugar, vou me concentrar no mercado de trabalho juvenil, analisando detalhadamente aspectos relevantes, como as características dos empregos (o salário que percebe indivíduos, níveis de desemprego, o tipo de contrato predominante em jovens e nas emigras) neste Maneira responder à hipótese do nosso trabalho, que é: a evolução do mercado de trabalho juvenil na Espanha após a última crise econômica. Posteriormente, uma breve análise descritiva do mercado de trabalho na Espanha (na última coluna das principais mesas) será realizada, na qual incluirei todas as faixas etárias, a fim de saber como a situação de trabalho evoluiu na Espanha com o última crise econômica. Para realizá-lo, realizarei uma análise descritiva do mercado de trabalho de jovens espanhol através do qual se conclui que existem fatores como a alta taxa de temporalidade, os salários menores e a predominância do setor de serviços ( improdutivo) que caracteriza empregos dos jovens espanhóis após a última crise econômica, que os incentiva a emigrar em busca de melhores oportunidades.

Resumo: Muitos trabalhos acadêmicos consideram a Espanha como um dos países piores em termos de trabalho. Condições de trabalhadores de sites, portanto, o objetivo final deste trabalho é caracterizar o mercado de trabalho espanhol e senta condições, baseando a maior parte do estudo na situação de emprego dos jovens (16-29 anos). Em primeiro lugar, vou focar no mercado de trabalho juvenil, analisando em detalhes aspectos relevantes, como as características dos empregos (o salário recebido pelos jovens, desemprego Leels, o tipo predominante de contrato nos jovens e nas emigras) Responder à hipótese do nosso trabalho, que é: a evolução do mercado de trabalho juvenil na Espanha após a última crise econômica. Posteriormente, farei uma breve análise descritiva do mercado de trabalho na Espanha (na última coluna das principais mesas), que incluirei todas as faixas etárias, para saber como evoluiu a situação de emprego na Espanha com o Última crise econômica. Para fazer isso, realizarei uma análise descontraída do mercado de trabalho juvenil na Espanha, em que concluo que existem fatores como a alta taxa de emprego temporário, os salários e a pré-harmonia do setor de serviços (pouco Produtivo) que caracterizam os empregos dos jovens na Espanha após a última crise econômica, que os incentiva a emigrar em busca de melhores oportunidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *